Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

DIÁSPORA-COVID-19: testemunho de Lúcia Marques, da Zambujeira, residente no Canadá

luciamarques

Como está a viver a Diáspora da Lourinhã este novo tempo, em que o centro das atenções é a pandemia da Covid-19? O ALVORADA iniciou a partilha de testemunhos de vida dos emigrantes lourinhanenses que se encontram espalhados pelos quatro cantos do mundo.

Neste tempo difícil que todos atravessamos, com uma pandemia que reduz ao máximo o contacto entre todos, queremos desta forma manter bem vivo o que nos une. Queremos contribuir para que quem esteja longe, fique mais perto de nós, na Lourinhã.

Partilhe e, caso tenha algum familiar e amigo que queira que o contactemos, para aqui deixar o seu testemunho, envie-nos mensagem pelo nosso Facebook ou para o endereço electrónico Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Fique em segurança. Cuide de si e dos outros!

Este 31º testemunho é de Lúcia Anunciação Marques, da Zambujeira e residente em Montreal, no Canadá. Emigrada há 34 anos, é bancária de profissão e vive com o marido e os dois filhos.

Vivo na província do Quebec onde presentemente existe o maior número de casos de Covid-19. A maior parte da população está em casa em quarentena e só as pessoas que trabalham nos serviços essenciais se deslocam para ir trabalhar. As escolas, as guardarias e os centros comerciais foram fechados, as ruas e auto-estradas estão desertas. Os hipermercados estão fechados ao domingo.

As pessoas e as empresas adaptam-se à nova realidade fazendo tele-trabalho, conjugando assim a família e o trabalho. Os que trabalham nos serviços essenciais não têm escolha e por isso vão trabalhar com o coração apertadinho, tentando não pensar muito na situação. 

Melhores dias virão e estou ansiosa para poder voltar a abraçar a nossa linda Lourinhã novamente.