Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Marinha coordena o salvamento de 252 pessoas nos primeiros meses do ano

Marinha

A Marinha, através dos Centros de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa, de Ponta Delgada e do Subcentro do Funchal, já coordenou 197 acções de busca e salvamento marítimo das quais resultaram 252 vidas salvas, revelou hoje esta instituição das Forças Armadas.

Os números são respeitantes desde o início de Janeiro até à primeira semana de Junho, registando-se na área correspondente ao Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo (MRCC) de Lisboa, 111 ações em que foram salvas 126 pessoas. 

Na área de responsabilidade do MRCC de Ponta Delgada foram coordenadas até ao momento 75 acções de busca e salvamento, tendo sido resgatadas 116 pessoas. 

No Subcentro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo do Funchal já foram realizadas 16 ações das quais resultaram 10 vidas salvas.

A taxa de eficácia do serviço mantém-se nos primeiros meses de 2022 superior a 99%.

Para o sucesso do sistema de busca e salvamento "contribuem diferentes organizações e são empenhados meios de diversas entidades" nomeadamente da Marinha Portuguesa, da Autoridade Marítima Nacional (AMN), da Força Aérea Portuguesa (FAP) e outros recursos e meios pertencentes à Estrutura Auxiliar do Sistema Nacional de Busca e Salvamento, em especial do Instituto Nacional de Emergência Médica - Centro de Orientação de Doente Urgentes no Mar (INEM CODU-MAR), dos Serviços Nacionais e Regionais de Protecção Civil e Bombeiros, das Administrações Marítimas e Portuárias, entre outros organismos.

A Marinha destaca também o apoio prestado pelos navios mercantes nas acções de busca e salvamento, "que muitas vezes se desviam das suas rotas comerciais para prestarem o auxílio necessário", sempre coordenados pelos Centros Nacionais - MRCC Lisboa e MRCC Delgada.​

Texto: ALVORADA
Fotografia: Direitos Reservados (arquivo)