Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Autoridade Segurança Rodoviária lança campanha ‘Avance para 2021 com toda a segurança’

ANSR Campanha 2020

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) lança hoje a campanha de segurança rodoviária ‘Avance para 2021 com toda a segurança’, que vai decorrer até 5 de Janeiro.

Em comunicado, a ANSR refere que a campanha fará uma retrospcetiva do ano 2020, através da animação de vários sinais de trânsito, “relembrando os constrangimentos vivenciados neste ano e desejando que 2021 seja mais seguro, a todos os níveis”.

O desejo para 2021 subjacente à campanha é poder contar com todos os cidadãos para atingir o único número aceitável de vítimas mortais na estrada: zero.

A campanha, que será divulgada na televisão, rádios e 'mupis' contará com a parceria de 89 entidades que aceitaram o desafio de aderir a mais uma iniciativa em prol da segurança rodoviária e cujo objectivo é acabar com as mortes na estrada.

Dados da sinistralidade em Portugal publicados pela ANSR revelam que, em 2019, contabilizaram-se 35.704 acidentes com vítimas, entre as quais 626 vítimas mortais, 2.168 feridos graves e 43.183 feridos ligeiros. Entre Janeiro e Setembro deste ano os 19.214 acidentes rodoviários provocaram 299 mortes, 1.356 feridos graves e 22.406 feridos ligeiros.

“A sinistralidade rodoviária não é uma fatalidade, e pode ser evitada. Vamos juntos contribuir para que 2021 seja um ano sem mortes na estrada”, lembra o organismo público.

Dados da sinistralidade em Portugal publicados pela ANSR revelam que, em 2019, contabilizaram-se 35.704 acidentes com vítimas, entre as quais 626 vítimas mortais, 2.168 feridos graves e 43.183 feridos ligeiros. Entre Janeiro e Setembro deste ano os 19.214 acidentes rodoviários provocaram 299 mortes, 1.356 feridos graves e 22.406 feridos ligeiros.

“A sinistralidade rodoviária não é uma fatalidade, e pode ser evitada. Vamos juntos contribuir para que 2021 seja um ano sem mortes na estrada”, lembra o organismo público.

Texto: ALVORADA com agência Lusa