Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Autárquicas-Oeste: CDU candidata professor Luizinho Leal à Câmara de Óbidos

eleicoes autarquicas de 2021

A CDU vai candidatar à Câmara Municipal de Óbidos, nas próximas eleições autárquicas, o professor aposentado Luizinho Leal, que defende um novo rumo de desenvolvimento social, cultural e económico para o concelho.

A indicação de Luizinho Leal como cabeça-de-lista à autarquia obidense, foi hoje anunciada pela Coordenação Distrital da Coligação Democrática Unitária (CDU), que integra o PCP e o Partido Ecologista ‘Os Verdes’.

Em comunicado, a distrital de Leiria da coligação afirma que a escolha reflecte “uma decisão que dá corpo à natureza unitária da CDU”, sendo “um contributo para perspectivar um novo rumo de desenvolvimento social, cultural e económico sustentado para o concelho de Óbidos”. A candidatura, no concelho onde a CDU conta com apenas um eleito na Assembleia Municipal (AM), tem como objectivo “a afirmação de uma verdadeira alternativa política” e o reforço da votação, visando a coligação “garantir a eleição de um vereador na Câmara Municipal e o reforço do número de eleitos na AM”.

A par com o candidato à Câmara, a CDU indicou o nome da investigadora e actual deputada municipal Sílvia Maurício como primeira candidata à Assembleia Municipal de Óbidos.

Luizinho Leal tem 66 anos e é natural de Serra d’El Rei, no concelho de Peniche. É professor aposentado na área da educação musical, bacharel para o ensino da educação musical e mestre em Arte e Educação. Frequentou o Conservatório Nacional de Lisboa, onde completou os cursos gerais de Composição e Canto, tirou o Bacharelato para ensino de educação musical na Escola Superior de Educação de Leiria e fez o mestrado em Arte e Educação na Universidade Aberta. Foi fundador e director artístico do Coro Alma Nova de Óbidos e integra o Coral Nascente de Olho Marinho, no concelho de Óbidos, o Coral Caldas da Rainha, a Academia de Música ‘Stella Maris’ (de Peniche) e o ‘In Vita Musica’ (Bombarral). É mestre-coro nas paróquias de Óbidos e Peniche, dinamizador de projectos de actividades musicais no âmbito do ensino informal e realiza investigação ao nível da História Local, Política, Sociologia das Religiões, Arte e Cultura. Entre 1986 e 1989 foi vereador da Cultura na Câmara Municipal de Óbidos.

No concelho de Óbidos foram já anunciadas as candidaturas de Filipe Daniel (PSD), Paulo Gonçalves (PS) e João Paulo Cardoso (BE). A Câmara de Óbidos é presidida pelo social-democrata Humberto Marques que, em meados de 2020, anunciou a intenção de não se recandidatar. O executivo integra ainda três vereadores do PSD e três do PS.

Texto: ALVORADA com agência Lusa