Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

COVID-19: Centro de Saúde alarga atendimento após encerramento da urgência hospitalar de Peniche

covid19

O Centro de Saúde de Peniche alargou o atendimento das 8h00 às 20h00, depois de a urgência básica da cidade ter sido encerrada por ter a equipa em quarentena devido à Covid-19, anunciou o CHO - Centro Hospitalar do Oeste. Elsa Baião, presidente do conselho de administração da empresa que gere as três unidades hospitalares da região, disse à agência Lusa que o Centro de Saúde de Peniche passou, a partir de hoje, a funcionar diariamente com este novo horário.

O horário de funcionamento foi assim alargado para garantir o atendimento à população, sendo que os casos mais urgentes são assistidos no serviço de urgência do Hospital das Caldas da Rainha. A responsável explicou, contudo, que os utentes que necessitem do atendimento para qualquer problema de saúde deverão sempre telefonar primeiro para a linha 808 24 24 24, antes de se deslocarem ao Centro de Saúde.

Esta sexta-feira à noite, as autoridades locais de saúde pública determinaram o encerramento da urgência básica do Hospital de Peniche, em virtude de toda a equipa estar em quarentena devido à pandemia. Elsa Baião explicou que "um doente que, no domingo passado, foi sujeito ao teste à Covid-19 no Hospital de Santa Maria e deu negativo, foi transferido para Peniche, onde voltou a ser submetido ao teste e acusou positivo, tendo sido transferido para Caldas da Rainha, onde se encontra internado".

O doente esteve em contacto com a equipa da urgência básica de Peniche, tendo um enfermeiro ficado infectado, acrescentou. Nesse sentido, os 32 profissionais da urgência - 19 enfermeiros, três médicos e 10 auxiliares - estão em quarentena, no âmbito da Covid-19. "Uns tiveram contacto com o doente e outros com o enfermeiro", explicou Elsa Baião. O encerramento vigorará até que seja colocada no serviço uma nova equipa de profissionais.

Num comunicado hoje divulgado, o PCP local "expressou preocupação com o encerramento da urgência" e defendeu a sua "reabertura com a deslocação de profissionais de outros hospitais, mesmo fora do CHO", condições de protecção e segurança sanitária nas instalações do hospital e o reforço de meios de socorro e no centro de saúde.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pelo Município de Peniche, o concelho registava dois casos confirmados de Covid-19.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, já infectou mais de 600 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 28.000. Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direcção-Geral da Saúde, registaram-se 100 mortes, mais 24 do que na véspera (+31,5%), e registaram-se 5.170 casos de infecções confirmadas, mais 902 casos em relação a sexta-feira (+21,1%).

Texto: ALVORADA com agência Lusa