Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Fórum Oceano lança plataforma ‘online’ para promoção das Estações Náuticas de Portugal

mar oeste

A Fórum Oceano - Associação da Economia do Mar apresenta hoje, pelas 16h00, o Portal da Rede das Estações Náuticas de Portugal (ENP) - www.nauticalportugal.com. A Estação Náutica do Oeste é uma das que estão certificadas, tendo sido formalmente constituída pela OesteCIM Comunidade Intermunicipal do Oeste no passado dia 16 de Novembro de 2018, Dia Nacional do Mar, no âmbito da 8ª edição do Business2Sea.Entidade.

O novo portal apresenta-se como uma plataforma que disponibiliza, de forma intuitiva e acessível informação sobre as 23 Estações Náuticas certificadas e a oferta turística assegurada pelos respetivos parceiros (mais de 850, dos quais 60% são empresas), constituindo-se como uma ‘Rota do Náutico’, que percorre todo o território continental. Distribuídas pelas diferentes regiões, as Estações Náuticas apresentam características e configurações distintas, espelhando a riqueza, a diversidade e a atractividade dos territórios do litoral e do interior de Portugal. A promoção internacional da rede contará com o envolvimento da AICEP e do Turismo de Portugal, IP através das respectivas delegações, e das Agências Regionais de Promoção Turística.

A Fórum Oceano, no âmbito da sua missão de animação do ‘Cluster do Mar Português’, em colaboração com as entidades coordenadoras das Estações Náuticas de Portugal, com o acompanhamento do Turismo de Portugal, IP e das Entidades Regionais de Turismo, e com o cofinanciamento do programa Compete2020, desenvolveu o Portal ‘NauticalPortugal’, que agrega informação sobre as Estações Náuticas certificadas.

A sessão, que decorrerá em formato virtual, contará com a participação da secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, da secretária de Estado da Valorização do Interior, Isabel Ferreira, do presidente do Turismo de Portugal, IP, Luís Araújo, dos presidentes das Entidades Regionais de Turismo, do presidente da APECATE, António Marques Vidal, e do presidente da Fórum Oceano, António Nogueira Leite. O evento será também transmitido em directo na página do Facebook da Fórum Oceano.

A qualidade dos conteúdos, das fotografias e dos vídeos, convida os visitantes do portal a uma expedição pelas actividades náuticas que se praticam em cada uma das Estações Náuticas, bem como a navegar pelos serviços e produtos complementares, como gastronomia, alojamento, oferta cultural, pontos de interesse turístico, entre outros. Além da pesquisa é ainda possível realizar pré-reservas, através do contacto directo com os parceiros de cada uma das ENP.

O portal promete, assim, trazer ventos de feição para a promoção da náutica e do turismo náutico de Portugal, atraindo visitantes nacionais e estrangeiros, através da disponibilização de conteúdos em português, inglês, francês e espanhol sobre a oferta qualificada de produto turístico náutico integrado. A plataforma ‘online’ pretende ainda apoiar e impulsionar o trabalho desenvolvido pelos atores locais na melhoria e garantia da oferta, apresentando informação sobre certificações, distinções e reconhecimentos, como é o caso do selo ‘Clean&Safe’, Bandeira Azul, Praia Acessível ou Praia com Qualidade de Ouro. Para os amantes da náutica, o Portal da Rede das Estações Náuticas de Portugal será um ‘spot’ obrigatório, mas esperam-se visitas de todos quantos queiram mergulhar no potencial do território nacional.

Sobre a Rede das Estações Náuticas de Portugal

Na sequência do projecto Portugal Náutico desenvolvido pela Associação Empresarial de Portugal em cooperação com a Fórum Oceano, foi criado o Grupo Dinamizador do Portugal Náutico, que se propõe a dinamizar a fileira do turismo náutico. Neste contexto, avançou com o desenvolvimento, promoção e certificação de Estações Náuticas em Portugal.

A Estação Náutica (EN) é uma rede de oferta turística náutica de qualidade, organizada a partir da valorização integrada dos recursos náuticos presentes num território, que inclui a oferta de alojamento, restauração, atividades náuticas e outras atividades e serviços relevantes para a atração de turistas e outros utilizadores, acrescentando valor e criando experiências diversificadas e integradas. Desta forma, a EN apresenta-se como uma plataforma de cooperação entre actores identificados com um território e que asseguram a oferta de um produto turístico.

Apesar de serem maioritariamente destinos de costa, também os territórios do interior têm avançado com a certificação de Estações Náuticas, em planos de água estáveis, nomeadamente, rios, lagos e albufeiras de barragens.

Reconhecendo o potencial que Portugal apresenta na área do turismo náutico e tendo como exemplo as experiências de França e Espanha, foi elaborado um regulamento para a certificação das Estações Náuticas de Portugal (ENP), que beneficiou do enquadramento fornecido pela Federação Europeia de Destinos Náuticos, da qual a Fórum Oceano é membro.

A sessão de apresentação e lançamento da primeira fase de certificação das ENP realizou-se no dia 1 de Março de 2018, na Bolsa de Turismo de Lisboa.

Actualmente, a Rede 'Estações Náuticas de Portugal' (ENP) conta com 23 ENP certificadas e cinco em processo de certificação, distribuídas por todo o continente, litoral e interior, e envolvendo mais de 1000 entidades, 60% das quais são empresas, 60 municípios, 4 Comunidades Intermunicipais e cerca de 300 associações e entidades locais com intervenção na náutica de recreio e no turismo náutico.

A Região Centro lidera o número de ENP certificadas com 8 ENP, evolvendo 337 parceiros, a que corresponde cerca de 41% do total de parceiros da Rede. Seguem-se a Região Norte, com 5 ENP e 15% do total de parceiros, a Região do Algarve com 4 ENP e 26% do total de parceiros, a Região do Alentejo com 4 ENP e 13% do total de parceiros e, finalmente, a Região de Lisboa com 2 ENP e 5% dos parceiros.

Por categorias de planos de água utilizados, embora as ENP de litoral sejam as mais numerosas - 16 -, há 5 ENP de águas interiores e 2 ENP mistas-litoral/interior. Nas águas interiores a Região do Alentejo lidera com 3 ENP, sendo que as outras 2 se situam na Região Norte e na Região Centro.

Em processo de certificação encontram-se 5 candidaturas: 2 de litoral, 2 de interior e 1 mista-litoral/interior.

Esta segunda-feira é também anunciada a abertura da 4ª fase de candidaturas, que se prolongará até 31 de Outubro. O processo de certificação conta com o envolvimento de uma Comissão de Avaliação que, para além da Fórum Oceano, integra um conjunto de entidades, nomeadamente: Turismo de Portugal, IP, ANMP - Associação Nacional de Municípios Portugueses, APECATE - Associação Portuguesa das Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos, ANC - Associação Nacional de Cruzeiros, APPR - Associação Portuguesa de Portos de Recreio, DGPM- Direção-Geral de Política Marítima, DGE - Direção-Geral de Educação - Desporto Escolar e FEDETON - Federação Europeia do Turismo Náutico.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Direitos Reservados