Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Ténis: Gastão Elias repete presença na selecção nacional na Taça Davis by Rakuten

Gastao Elias FPT 2022

João Sousa, Nuno Borges, Gastão Elias e Frederico Silva serão os quatro tenistas a defender as cores de Portugal frente à Polónia, na eliminatória da Taça Davis by Rakuten, referente ao ‘play-off’ do Grupo I Mundial, a ter lugar no Complexo Municipal de Ténis da Maia, nos dias 4 e 5 de Março.

A jornada que será organizada pela Federação Portuguesa de Ténis, com o apoio do Município da Maia, marcará o ‘regresso a casa’ da equipa comandada pelo capitão Rui Machado, depois do último triunfo consumado em 2018 frente à África do Sul (4-0), então no Club Internacional de Foot-ball.

A terra batida, desta vez em recinto coberto na Maia, voltará a ser a superfície escolhida para receber a equipa polaca, naquela que será a quinta eliminatória de Rui Machado à frente da formação portuguesa – mas a primeira jogada na condição de anfitrião. “É de facto a primeira eliminatória jogada em casa. Todos sabemos que jogar a Taça Davis é sempre especial, e é mais uma oportunidade para os jogadores portugueses competirem em casa e com o seu público. Não têm muitas semanas com essa oportunidade e, portanto, é sempre um momento especial, ainda para mais a representar o seu País na Taça Davis. Esperamos por isso que seja um fator que nos ajude a vencer esta eliminatória”, refere Rui Machado num comunicado da Federação Portuguesa de Ténis enviada ao ALVORADA.

Para a eliminatória que poderá colocar Portugal na decisiva jornada do Grupo I Mundial, a discutir em Setembro, o antigo internacional português volta a depositar a sua confiança nos convocados que fizeram a viagem à Roménia em 2021, com a forte probabilidade de, até lá, todos os tenistas portugueses verem o seu ‘ranking’ consolidado. “Estes são os jogadores que neste momento se apresentam claramente como a melhor solução para representar Portugal, com um João Sousa a fazer um início de temporada muito mais próximo do nível a que nos habituou nos últimos anos, como se percebe pela meia-final de um ATP Tour jogada este fim-de-semana”, começa por explicar Rui Machado, aludindo ao número 137 mundial.

Sobre a restante convocatória, Rui Machado destaca o maiato Nuno Borges (190.º ATP), como estando “claramente em ascensão no ‘ranking’, depois de terminar o ano muito bem, com muitas vitórias, apesar de infelizmente não ter podido competir no Open da Austrália, devido à Covid-19, como estava previsto”.

Já o tenista lourinhanense Gastão Elias, actualmente na 207.ª posição do ‘ranking’ ATP Tour, “está também ele de volta às vitórias, com boas exibições e resultados, como demonstrou na Austrália, e depois temos também o Frederico Silva (224.º ATP), que já provou igualmente que quando consegue competir com regularidade apresenta sempre um nível muito bom”, conclui Rui Machado, reforçando ter à sua disposição uma “equipa muito sólida, com jogadores que já conhecemos bem e que representam Portugal com grande dignidade e temos a certeza que assim farão diante da Polónia”.

Sobre a formação visitante, e mesmo sem conhecer ainda os jogadores que serão escalonados pelo homólogo Mariusz Fyrstenberg, o também director-técnico nacional lembra que Portugal irá “encontrar pela frente uma equipa muito forte, com jogadores experientes, tanto em pares como em singulares, prevendo-se uma eliminatória muito difícil, sendo por isso importante chegarmos na máxima força e se possível contarmos com forte apoio do público nas bancadas”.

Portugal entra assim na contagem decrescente para aquela que será a sua 116.ª eliminatória na Taça Davis by Rakuten, marcando o regresso da secular competição à cidade da Maia, depois do último triunfo da selecção portuguesa em 2010 sobre a Dinamarca (4-1).

No primeiro dia da contenda, a 4 de Março, jogar-se-ão dois encontros de singulares, ficando reservados para sábado, 5 de Março, o encontro de pares e outros dois embates individuais. A entrada do público no Complexo Municipal de Ténis da Maia será livre.

Texto: ALVORADA com GIFPT
Fotografia: Direitos Reservados