Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Primeiro contentor de donativos entregues nos CTT segue domingo para Moçambique

CTT

Os CTT - Correios de Portugal vão enviar o primeiro contentor de donativos dos portugueses para Moçambique já no domingo. Depois de, em menos de 24 horas, a adesão à iniciativa ter esgotado as 200 mil Embalagens Solidárias disponibilizadas para esta iniciativa, a empresa está a operacionalizar logisticamente o recebimento e envio dos donativos recebidos nas 538 Lojas CTT espalhadas pelo país.

De avião seguiu cerca de 1,5 toneladas de donativos mais urgentes e os CTT preveem o envio de três contentores de Embalagens Solidárias nas próximas três semanas. Os donativos dos portugueses serão recebidos em Moçambique pelos Correios de Moçambique, parceiros da iniciativa, e encaminhados para o Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC), para posterior redistribuição pelas vítimas do ciclone. Esta operação nacional teve também o acompanhamento da Embaixada de Moçambique. Os CTT agradecem a todos os portugueses que contribuíram para apoiar Moçambique, através das Embalagens Solidárias.

Miguel Salema Garção, director de Marca, Comunicação e Sustentabilidade dos CTT, destaca que “os CTT estão a operacionalizar o envio dos donativos dos portugueses para Moçambique. É de louvar a enorme manifestação de solidariedade e apoio para com a população de Moçambique. Mais uma vez os portugueses mostraram que são um povo solidário e se unem em momentos de dificuldade para apoiar quem mais precisa”. O responsável adianta ainda, segundo um comunicado da empresa enviado ao ALVORADA, que os CTT vão continuar com a sua estratégia de responsabilidade social e cidadania empresarial, aproveitando a capilaridade da rede e a proximidade com as populações. Aproveito para deixar uma palavra de agradecimento e reconhecimento aos colaboradores dos CTT, em particular da Rede de Retalho e das Operações que abraçaram esta causa de forma exemplar, bem como, aos voluntários de diversas áreas que trabalharam com afinco para que tudo fosse desencadeado de forma eficiente”.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Direitos Reservados