Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Empresários da diáspora criam federação europeia com mais de 100 mil empresas

Paris

Os empresários portugueses na diáspora criaram a Federação Europeia de Câmaras de Comércio e Indústria Portuguesa que incluiu países como França, Luxemburgo, Inglaterra, ou Alemanha, agregando mais de 100 mil empresas.

"[As empresas] vão poder beneficiar de um 'networking' europeu, a nossa ideia é de alargar ao máximo esta rede. Estamos a falar de mais de 100 mil empresas a representar vários países e falo só de empresas da diáspora", afirmou Carlos Vinhas Pereira, presidente da Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa e presidente da recém-criada federação europeia, em declarações aos jornalistas.

A Federação Europeia de Câmaras de Comércio e Indústria Portuguesa passa a agregar as diferentes câmaras de comércio das empresas portuguesas espalhadas pela União Europeia, reunindo os empresários lusos de França, Luxemburgo, Inglaterra, Bélgica, Alemanha, Noruega, Roménia, Espanha, Polónia e Irlanda.

A sessão inaugural de trabalhos desta nova estrutura aconteceu hoje na Embaixada de Portugal em Paris e contou com a presença do secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias, que felicitou a iniciativa. "Não podemos comparar as câmaras de comércio, mas podemos trabalhar para termos um conjunto de boas práticas que permitam solidificar os serviços prestados por estas entidades e fazermos algo muito importante, são uma rede única de empresários", disse o governante. Esta nova estrutura, segundo Eurico Brilhante Dias, vai permitir às empresas sediadas em Portugal, especialmente às pequenas e médias empresas, de terem acesso a novos mercados e integrarem-se nesses países, "acelerando o processo de internacionalização".

O próximo passo da recém-criada federação, que actualmente tem estatuto francês, já que foi criada em França, é bater-se junto das instituições europeias para ter um estatuto de associação europeia, algo que ainda não existe, mas que está a ser proposto a Bruxelas. As actividades da federação vão incluir eventos, formações, serviços e informações sobre os programas do Governo português destinados aos empresários da diáspora.

Eurico Brilhante Dias vai continuar em França, seguindo esta quarta-feira para Nantes onde vai marcar presença na cerimónia de inauguração da Delegação do Grand Ouest da Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa, tendo ainda encontros com empresas e a comunidade de empresários de origem portuguesa na cidade.

Texto: ALVORADA com agência Lusa
Fotografia: Direitos Reservados