Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Covid-19: Aplicação móvel gratuita assegura intervenção psicológica a quem precise

psicovida

Uma empresa e duas instituições criaram uma aplicação móvel gratuita que assegura a intervenção psicológica em crise a todos os que dela necessitem no atual contexto de pandemia de Covid-19, foi hoje anunciado. Em comunicado, os promotores da ‘Psicovida’ explicam que a aplicação coloca utentes a falar directamente com psicólogos “credenciados”, através de videochamada, disponibilizando também diversas estratégias de autoajuda.

A plataforma foi criada ao abrigo de uma parceria entre a empresa OutSystems, a Associação de Psicologia da Universidade do Minho (APsi-UMinho) e investigadores do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC), no Porto.

“A Psicovida tem como missão apoiar a comunidade nacional, ao assegurar o acesso equitativo e gratuito a intervenção psicológica no actual cenário da pandemia”, sublinha o comunicado.

A aplicação está organizada em módulos especializados, em função das necessidades específicas dos utentes: stresse e ansiedade, perda e luto, idosos e seus familiares, gravidez, apoio na carreira, violência, gestão de dinâmicas e cuidados familiares.

Os promotores sublinham que a comunicação feita através da plataforma “é confidencial e salvaguarda os direitos dos utentes”. Acrescentam que esta intervenção em crise é breve e focada na estabilização psicológica imediata, não substituindo uma intervenção psicológica mais aprofundada e regular, caso seja essa a mais apropriada.

Os psicólogos a colaborar em cada um dos módulos são recrutados de uma bolsa de psicólogos da sociedade civil. Esta participação é voluntária e solidária. O psicólogo tem acesso gratuito a um conjunto de materiais de formação disponibilizados pela APsi-UMinho para o efeito, que assegura ainda um conjunto de orientações de intervenção em crise, “de acordo com as melhores práticas”.

Os utentes podem descarregar a aplicação para iOS (iPhone/iPad) ou para Android.

Texto: ALVORADA com agência Lusa
Fotografia: Paulo Ribeiro/ALVORADA