Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Santa Cruz Ocean Spirit: a missão de proteger a terra e o mar

ocean spirit

'Há mar e mar, há usar e recuperar'. Esta é uma das mensagens escritas em ondas de cartão que fazem da Tenda Pedagógica do Santa Cruz Ocean Spirit - Festival Internacional de Desportos de Ondas o local certo para brincar e aprender. O festival está de volta a Santa Cruz, no concelho de Torres Vedras, até ao próximo domingo, com um programa que aposta na sensibilização dos mais pequenos para a protecção da vida na terra e no mar.

'Recuperação dos Ecossistemas' é o tema da Tenda Pedagógica, por onde já passaram mais de 200 crianças e jovens desde o início do evento. Até ao final da semana, os mais pequenos podem partipar em actividades de manhã à noite, dinamizadas pelos serviços educativos da Câmara Municipal de Torres Vedras e dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) de Torres Vedras, mas também pela Associação Bandeira Azul da Europa, Valorsul, Águas do Tejo Atlântico, Guardião do Oceano e Mar à Deriva.

Segundo um comunicado enviado ao ALVORADA, o município torriense refere que o trabalho de recolha de lixo marinho desenvolvido por estas entidades deu origem a golfinhos e outros seres marinhos que povoam o espaço dos SMAS na Aldeia Neptuno, onde se dá a conhecer o processo de transformação e reutilização de resíduos plásticos. "Além dos conhecimentos que levam daqui, os pequenos visitantes podem ficar com porta-chaves, brincos e ímanes que em tempos foram tampas e garrafas recolhidas na praia".

Além da sensibilização ambiental, esta edição do Santa Cruz Ocean Spirit promove a adopção de boas práticas, disponibilizando EcoCopos e cinzeiros de bolso aos visitantes. O objectivo passa por promover a adopção de comportamentos que contribuam para a preservação dos ecossistemas naturais, que em grande parte estão em risco de perder a sua fauna e flora autóctone. Ao entrar na Aldeia Neptuno, os visitantes podem beber água aromatizada preparada pelos SMAS de Torres Vedras, numa acção que pretende incentivar o consumo de água da torneira.

'Por um evento + Sustentável' dá mote à política ambiental do evento, que promove a monitorização da qualidade microbiológica das areias e a separação de resíduos, "tendo no horizonte a diminuição da sua pegada ecológica". Sob a égide de sustentabilidade, foi distribuído ao restaurante e aos vários bares que se encontram no festival um manual com boas práticas no que toca ao impacto na comunidade, emissões atmosféricas, estruturas, resíduos, energia e água.

O Santa Cruz Ocean Spirit participa, ainda, enquanto caso de estudo no projecto internacional CAPonLITTER, que pretende capitalizar boas práticas costeiras e melhorar as políticas de prevenção do lixo marinho. No passado sábado, o grupo de trabalho que integra o projecto teve oportunidade de conhecer o festival e as suas boas práticas.

A autarquia afirma ainda que, assumindo um compromisso cada vez mais forte com a sustentabilidade, o Santa Cruz Ocean Spirit é reconhecido pela Valorsul como um EcoEvento. No recinto da Aldeia Neptuno, os visitantes podem visitar o espaço da Câmara Municipal de Torres Vedras, que dá a conhecer as iniciativas e projectos municipais que contribuem para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estabelecidos pela Organização das Nações Unidas.

O Santa Cruz Ocean Spirit é uma organização da Câmara Municipal de Torres Vedras e da Promotorres EM.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Direitos Reservados (arquivo)