Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

‘Festas, Romarias e Peregrinações’: Mercado Medieval de Óbidos decorre de 21 a 31 de Julho

mercadomedieval2022

O Mercado Medieval de Óbidos regressa dois anos depois da pandemia, de 21 a 31 de Julho, para celebrar as ‘Festas, Romarias e Peregrinações’.

Nesta 19ª edição, o evento decorrerá todos os dias, aproveitando o cenário natural da Cerca do Castelo e de Óbidos, havendo, este ano, mais actividades, como a aposta na recriação da vivência medieval, com a existência de mesteres, ofícios, podendo o visitante ‘ser parte da aldeia’.

Haverá ainda um mercado da lã, que pretende mostrar a importância da pastorícia na Idade Média, desde o aproveitamento da lã, da pele e dos derivados do leite. Esta edição dará ainda especial destaque ao poder da religião na Idade Média e a toda a sua vertente mais profana, para além das muitas iguarias, preparadas pelas colectividades do concelho, e onde se pode encontrar o que a lagoa, o mar e as terras de Óbidos têm para oferecer.

Segundo o presidente da Câmara Municipal de Óbidos “podermos retomar um evento com a importância que o Mercado Medieval tem para o nosso território, é um sinal de confiança que queremos passar para todos os comerciantes, associações, colectividades e demais agentes envolvidos, neste que é considerado um dos melhores a nível nacional”.

O autarca revela afirma ainda que o regresso do Mercado Medieval de Óbidos passados dois anos, com o tema ‘Festas, Romarias e Peregrinações’, apostando num formato de dez dias seguidos e em concordância com todos os envolvidos, “foi pensado com o objectivo principal de criar melhores condições e oferecer a todos os visitantes do evento o verdadeiro espírito medieval, vivenciando experiências únicas. Estão todos convidados”, conclui.

Por seu lado, o administrador da empresa municipal Óbidos Criativa, que organiza o evento, destaca a história como “um recurso local”, que tem, neste particular, o objectivo de “reavivar e reconstituir o passado”, sendo esse trabalho “uma forte atracção turística, como temos experienciado, em Óbidos, nos últimos anos”. “Queremos ser o maior evento de recriação e recreação Histórica Medieval de Portugal”, conclui Ricardo Duque.

Recorde-se que o Mercado Medieval de Óbidos teve a sua primeira edição em 2002. Todas as informações poderão ser encontradas em obidos.pt.

Texto: ALVORADA