Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Passadiço das Escarpas foi inaugurado e liga Maceira a Porto Novo num investimento de 150 mil euros

Passadico das Escarpas 2

Foi este domingo inaugurado o Passadiço das Escarpas, uma ecovia construída totalmente em madeira que liga as povoações da Maceira a Porto Novo, no concelho de Torres Vedras. Com uma extensão de um quilómetro, resulta de um investimento de cerca de 150 mil euros, tendo sido comparticipado com fundos do Programa Operacional do ‘MAR 2020’, do Fundo Europeu para os Assuntos Marítimos e as Pescas, através de uma candidatura apresentada pela União de Freguesias de A-dos-Cunhados e Maceira e aprovada pelo GAL - Grupo de Acção Local ecoMAR, que abrange os territórios costeiros dos concelhos de Torres Vedras e da Lourinhã. Esta obra permite, a partir de agora, que a população local e os visitantes possam usufruir de um óptimo meio para descobrir, a pé, esta zona costeira. O projecto visa assim a promoção dos recursos naturais e a protecção da biodiversidade, bem como a dinamização de um turismo sustentável.

Ana Paula Vitorino, ministra do Mar, presidiu à inauguração oficial deste investimento, tendo sido acompanhada pelo ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, pelos presidentes das Câmaras Municipais de Torres Vedras e da Lourinhã, Carlos Bernardes e João Duarte Carvalho, respectivamente, e, ainda, pelo presidente da União de Freguesias de A-dos-Cunhados e Maceira, Nuno Cosme. A governante sublinhou, na ocasião, que este novo passadiço “é a representação daquilo que são as várias estratégias do ordinário do mar e que conseguimos conjugar num só”. Por outro lado, destacou a importância que este equipamento representa para a defesa do território, do meio ambiente e da biodiversidade da nossa região. “Peço a todos que saibam respeitar aquilo que é um sinal da sustentabilidade ambiental na ligação entre duas povoações”, disse, enaltecendo ainda a boa iniciativa e o mérito da candidatura aprovada por fundos públicos.

Já o edil Carlos Bernardes não escondeu a satisfação pelo que representa o novo Passadiço das Escarpas, como sendo “um momento com história”, tendo feito alusão ao desembarque, precisamente em Porto Novo, em 1808, das tropas inglesas que vieram a Portugal ajudar os portugueses aquando das invasões francesas. O autarca torriense está convicto de que esta novo equipamento público“vai dar uma nova vida” a esta zona do litoral do seu concelho. Quando a Nuno Cosme, destacou que a inauguração deste passadiço é um sonho da população que foi concretizado. “Não foi fácil chegar até aqui mas nunca desistimos deste objectivo”, afirmou na ocasião o presidente do executivo da União de Freguesias de A-dos-Cunhados e Maceira.

Texto: ALVORADA. Foto: Direitos Reservados.