Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Festival Latitudes regressa a Óbidos após dois anos de interrupção devido à pandemia

latitude

O Festival Latitudes regressa a Óbidos para a quarta edição, após dois anos de interrupção devido à pandemia de Covid-19, com cerca de 40 propostas que juntam literatura e viajantes entre os dias 21 e 24 de Abril.

Nesta edição, o festival dedicado à literatura de viagens aposta num encontro entre a gastronomia, o vinho, os livros e a música, na exposição 'Sketch Tour Portugal' e na inauguração da segunda residência literária, dedicada ao poeta Ruy Belo (1933-1978).

Durante quatro dias, Óbidos transforma-se numa festa consagrada à Literatura, acolhendo todos os viajantes”, afirma a vereadora da Cultura da Câmara de Óbidos, Margarida Reis, citada na nota de imprensa da câmara municipal, explicando que o evento tem “um tema abrangente, actual e com muita necessidade de reflexão e partilha de ideias, principalmente após um período de confinamento”.

No primeiro dia realiza-se um jantar literário inspirado numa 'Viagem a Portugal', a partir da obra de José Saramago (1922-2010), a apresentação da edição especial da obra homónima do Nobel da Literatura de 1998, a inauguração da exposição 'Sketch Tour Portugal', que dá nome ao livro apresentado no próprio dia, e a conferência 'Turismo Literário enquanto produto turístico'.

Juntando literatura e viagens, o segundo dia é dedicado a uma aula aberta sobre literatura de viagens, a uma palestra sobre mulheres viajantes e à inauguração da exposição de pintura 'voar', de Carlos Viseu.

O programa do terceiro dia é reservado a conversas sobre literatura de viagens e antropologia, crónicas de viajantes, mulheres viajantes, à apresentação da série documental 'Viagem a Portugal', com o realizador Ivan Dias, e à tertúlia sobre a viagem a Marrocos, inspirada pelo escritor norte-americano Paul Bowles (1910-1999), autor de 'O céu que nos protege', que aí viveu e morreu.

No último dia, o programa tem prevista uma conferência sobre a primeira travessia aérea do Atlântico Sul, empreendida há um século por Gago Coutinho e Sacadura Cabral, uma palestra sobre o itinerário 'Bowlesiano' em Portugal e a apresentação do livro 'Os retornados de Xangai - Histórias de Portugueses no Oriente', por António Caeiro.

Pelo meio, acontecem exposições, 'workshops' de fotografia, oficinas literárias, leitura de contos, uma feira do livro e espectáculos de música e dança.

O Latitudes é organizado pela Câmara Municipal de Óbidos em pareceria com a Óbidos Criativa, a Ler Devagar e a Associação Óbidos Vila Literária, e insere-se na estratégia de promover Óbidos enquanto vila literária.

Texto: ALVORADA com agência Lusa
Texto: Direitos Reservados