Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Peniche distinguido em projecto de parceria no Programa ALA+T - Qualificar para o Turismo

ALAT Portugal Rocks RotaGeoturismo

O Município de Peniche integra o conjunto de autarquias vencedoras da segunda edição do Programa ALA+T - Qualificar para o Turismo, anunciou esta terça-feira a edilidade. A cerimónia ‘online’ de apresentação e anúncio das ideias vencedoras contou com a participação da secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, e do presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo.

O Programa ALA+T é um projecto do IPDT ‐ Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo, apoiado pelo Turismo de Portugal, com o objectivo de desenvolver competências específicas e transversais, dos técnicos superiores e dirigentes das Câmaras Municipais, das Comunidades Intermunicipais e Áreas Metropolitanas, das Entidades Regionais de Turismo e das Comissões de Coordenação e Desenvolvimento Regional, “indispensáveis ao desenvolvimento do território através da actividade turística”.

O Projecto ‘Portugal Rocks’ - apresentado pela representação do Município de Peniche em conjunto com Montemor-o-Velho e Penacova - que foi distinguido caracteriza-se pela valorização da paisagem numa óptica geológica, geomorfológica e paleontológica. O projecto distinguido tem como objectivo “a criação de valor, aliando a sensibilização ambiental e a coesão territorial, ligando o turismo de natureza e o ecoturismo (uma fonte do património e de biodiversidade) que fazem parte da Estratégia do Turismo 2027”.

Segundo a edilidade penichense, de forma resumida, o projecto assenta numa base ‘online’ que comunica com uma aplicação (Guia de Bolso); nos locais considerados de interesse existirá a placa identificativa e nos Postos de Turismo e/ou em locais a indicar pelos respectivos municípios, estará um painel interactivo que comunicará com a base ‘online’, com a explicação de cada ponto de interesse, traduzida em várias línguas. Salienta-se ainda a possibilidade de conexão futura com outros municípios e/ou com os geoparques já existentes.

Os projetos vencedores, após adequação aos critérios dos programas de apoio do Turismo de Portugal, são passiveis de ser apoiados por esta entidade pública.

‘Viagem a Portugal’, apresentado pelos Municípios de Baião e Marco de Canaveses em conjunto com outras entidades da região, e ‘Ria Formosa’, apresentado pelos Municípios de Faro e Olhão, foram os outros dois projectos distinguidos nesta segunda edição.

No conjunto das duas edições foram apresentados 32 projectos de desenvolvimento turístico que resultaram de 45 ‘master classes’ e contaram com cerca de 230 participantes em representação de mais de 120 entidades.

Texto: ALVORADA
Fotografia: CMP