Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Covid-19: Hospital das Caldas da Rainha com mais 20 camas para doentes infectados

Hospital Caldas da Rainha II

O Hospital das Caldas da Rainha aumentou hoje a capacidade de internamento com a abertura de mais 20 camas para doentes infectados pelo novo coronavírus, informou o CHO - Centro Hospitalar do Oeste.

A partir de hoje estão disponíveis “mais 20 camas para doentes Covid-19” para as quais “irão começar a ser transferidos doentes de outras unidades, com necessidade de internamento”, disse à agência Lusa a presidente do Conselho de Administração (CA) do CHO, Elsa Baião.

A nova enfermaria representa “um importante acréscimo de resposta face ao aumento de casos que se esperam nas próximas semanas”, sublinhou a administradora do centro hospitalar que integra as unidades de Caldas da Rainha, Peniche e de Torres Vedras.

O aumento de camas surge numa altura em que “o Hospital de Torres Vedras se encontra no limite da sua capacidade de internamento de doentes Covid”, num total de 23 camas, e que se regista igualmente “uma afluência maior às urgências não Covid-19”, disse Elsa Baião. Entretanto, hoje há já duas vagas.

Na sexta-feira, Elsa Baião tinha já anunciado, em declarações à agência Lusa, que o CHO pretende reforçar as camas para internamento de casos de infecção nos hospitais da região com a abertura de outras 27 numa nova enfermaria Covid, a criar até ao final do ano em Torres Vedras, que se somam às 23 existentes.

Desde o início da pandemia, em março passado, foram também contratados 133 novos profissionais para fazer face ao acréscimo de actividades imposto pelo diagnóstico e tratamento da pandemia e o CHO "continua a desenvolver todos os esforços para contratar mais profissionais, para aumentar a capacidade de resposta dos serviços de saúde e garantir uma prestação de cuidados adequada às necessidades da população", disse a administradora da empresa pública, responsável pelos hospitais oestinos que integram o Serviço Nacional de Saúde.

O CHO prevê ainda, até final de Dezembro, abrir uma nova enfermaria para doentes não Covid-19, no Hospital de Peniche, onde estão actualmente a ser efectuadas obras de adaptação do espaço.

Texto: ALVORADA com agência Lusa
Fotografia: Sofia de Medeiros/ALVORADA (arquivo)