Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

GNR da Lourinhã deteve homem por furto de catalisador no concelho

GNR 20

A GNR da Lourinhã deteve um homem de 37 anos por furto no concelho de catalisadores, de automóveis, segundo revelou hoje em comunicado o Comando Territorial de Lisboa. A detenção ocorreu na última quinta-feira, dia 27 de Outubro. Segundo a GNR, “no decorrer de uma denúncia de que estava a decorrer um furto de um catalisador, os militares da Guarda deslocaram-se de imediato para o local, onde detiveram o suspeito, inicialmente retido por populares”. Não foi revelado o local exacto do concelho onde ocorreu este roubo.

No decorrer das diligências policiais, os militares da GNR apreenderam uma rebarbadora eléctrica, sendo esta a ferramenta utlizada para a remoção do catalisador do automóvel, um crime que tem vindo a ganhar muita expressão em todo o país. O conversor catalítico é uma parte do sistema de escape das viaturas, que é concebido para reduzir a toxicidade das emissões dos gases de escape através da redução dos óxidos de azoto, bem como a utilização do oxigénio resultante para pós-combustão do monóxido de carbono e hidrocarbonetos não-queimados. Este equipamento é produzido com metais nobres, sobretudo a patina, o ródio e o paládio, com valor elevado no mercado negro, razão pela qual tem vindo a crescer os roubos.

O homem detido foi presente na sexta-feira ao Tribunal Judicial da Lourinhã, onde lhe foi aplicada pelo juiz de instrução criminal a medida de coação de apresentações semanais no posto policial da sua área de residência enquanto decorre a tramitação do processo judicial.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Paulo Ribeiro/ALVORADA (arquivo)