Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

PSP recolheu 23 armas na Lourinhã em campanha nacional que termina esta quarta-feira

psparmaslnh

A Polícia de Segurança Pública recolheu, na Lourinhã, 23 armas no âmbito da campanha nacional de recolha de armas de fogo não manifestadas nem registadas e prova de cofre que decorre até esta quarta-feira, dia 23, e que não implica procedimento sancionatório (criminal ou contraordenacional).

Através de uma unidade móvel localizada junto ao edifício dos Paços do Município da Lourinhã, foram recolhidas, no passado dia 11 de Maio, 20 espingardas de caça, duas pistolas de 6,35mm e uma pistola de 7,65mm. No decorrer desta iniciativa foram ainda realizados cinco comprovativos de prova de cofre, ou seja, de condições de segurança para a guarda de armas, bem como dadas respostas a muitos pedidos de esclarecimentos sobre a temática.

Até hoje, quem tenha na sua posse armas de fogo não manifestadas ou registadas poderá proceder à entrega voluntária, junto da PSP ou GNR e requerer a legalização dessas armas de fogo (se legalmente admissível) e a posse em regime de detenção domiciliária provisória, pelo período máximo de 180 dias para, nesse prazo, apresentar o certificado de registo criminal e habilitar-se com licença.

Também os detentores de armas com licenças caducadas de uso e porte de arma, por exemplo, por falta de envio da documentação relativa à transmissão da arma no prazo de 15 dias após a venda ou por não a comunicação à PSP do falecimento do proprietário da arma nos 90 dias subsequentes ao falecimento ou data da descoberta das mesmas, podem, também, até ao dia 23, regularizar a situação ou proceder à entrega voluntária das armas a favor do Estado. Para fazer essa entrega, a PSP disponibiliza na sua página (www. psp.pt) o modelo de documento, que deve ser preenchido e entregue com as armas.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Sofia de Medeiros/ALVORADA