Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Ministra Ana Abrunhosa veio inaugurar obras do Museu da Lourinhã a convite do GEAL

Museu da Lourinha ministra ana abrunhosa

A ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, acompanhada pelo secretário de Estado Adjunto do Desenvolvimento Regional, Carlos Miguel, marcaram presença esta terça-feira no Museu da Lourinhã, a convite do GEAL, para procederem à inauguração oficial do projeto ‘Património Cultural e Paleontológico + Acessível’.

Trata-se do primeiro Museu Digital Vodafone, que marcou presença com um representante do conselho de administração da multinacional inglesa, neste Dia Internacional dos Museus. Este projecto assenta numa plataforma tecnológica viva e inovadora, onde o património cultural e as histórias nas áreas de etnografia, arqueologia e paleontologia são agora recriadas e enriquecidas com novas componentes digitais.

O presidente da Câmara Municipal da Lourinhã, João Duarte de Carvalho, e a presidente da direcção do GEAL, Lubélia Gonçalves, destacaram as potencialidades deste projecto. É apresentado um conjunto de soluções de Realidade Virtual, que permitirá aos visitantes viverem experiências únicas e totalmente imersivas, em tempo real, como a visualização de dinossauros em 3D, mas também de novas soluções como quiosques digitais, potenciando a descoberta e a aquisição de novos conhecimentos, e, ainda, uma aplicação móvel, que garante o acesso facilitado, em qualquer lugar, a diversas informações sobre o museu.

Este projecto pioneiro no Museu da Lourinhã foi desenvolvido pela Vodafone em parceria com a empresa Cycloid e enquadra-se na estratégia do Conselho Internacional de Museus (ICOM), cujo tema deste ano se designa por ‘The Future of Museums: Recover and Reimagine’, apelando desta forma para a criação de novas práticas de valor, sustentadas por modelos de gestão e soluções inovadoras.

O Museu da Lourinhã voltará a estar aberto a visitas a todas as colecções a partir desta quarta-feira no seu horário normal, depois das contingências geradas pela pandemia.

Mais informação na próxima edição impressa do ALVORADA, nas bancas na próxima sexta-feira. 

Texto: ALVORADA
Fotografia: Sofia de Medeiros/ALVORADA