Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Sessão de Câmara da Lourinhã vai decidir regulamentos municipais e empréstimos para obras

cml

A Câmara Municipal da Lourinhã deverá aprovar na sessão de câmara desta quarta-feira a contratação de quatro pedidos de empréstimos bancários, de cerca de 1,5 milhões de euros, para a concretização de objectivos em diversas áreas. O primeiro, até ao montante de 650 mil euros, destina-se à realização das obras de fecho de redes de saneamento básico em baixa no Reguengo Grande. O segundo, no montante de 160 mil euros, destina-se às obras de beneficiação pedonal nas freguesias do concelho. Já quanto ao terceiro pedido, até ao montante de 300 mil euros, é destinado à recuperação e regeneração do cordão dunar entre a Praia da Areia Branca e o Areal Sul. O quarto pedido de crédito bancário, até ao montante de 350 mil euros, é destinado à concepção e implementação do sistema de controlo e redução de perdas de água na rede municipal de distribuição e adução de água.

O executivo camarário, por proposta do presidente João Duarte Carvalho, vai deliberar também sobre um conjunto de regulamentos municipais: Licenciamento Municipal das Actividades Diversas, Zonas de Estacionamento de Duração Limitada, Código de Posturas e Regulamento dos Mercados Municipais.

Com uma ordem de trabalhos com 14 pontos, no âmbito da Coordenação Municipal de Protecção Civil, o executivo camarário tem em cima da mesa a provação final do Plano Municipal de Defesa da Floresta contra Incêndios.

Da parte da Divisão de Educação, presidente e vereadores vão deliberar sobre o apoio financeiro que será dado ao Projecto de Hipoterapia no presente ano lectivo, e, também, sobre a segunda tranche financeira do ano lectivo para materiais de desgaste para as crianças da educação pré-escolar e alunos do 1º ciclo do ensino básico do concelho.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Sofia de Medeiros/ALVORADA (arquivo)