Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres: Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, esteve esta manhã na Lourinhã

eduardocabrita

O Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, esteve esta manhã no Posto Territorial da Lourinhã no âmbito do Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres que foi assinalado esta quarta-feira pela Guarda Nacional Republicana (GNR).

A cerimónia contou com um brífingue sobre o trabalho da GNR no âmbito da violência doméstica, seguida de uma alocução do Ministro da Administração Interna sobre esta temática. A passagem de Eduardo Cabrita terminou com uma visita às instalações do Posto Territorial da Lourinhã, nomeadamente à Sala de Apoio à Vítima, conduzida pelo primeiro-sargento Luís Reis, comandante do posto lourinhanense.

Recorde-se que em 1999 as Nações Unidas designaram oficialmente o dia 25 de Novembro como o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, com o intuito de alertar para esta problemática que atinge as mulheres em todo o mundo. Diariamente, as mulheres são vítimas de vários tipos de violência, como violência doméstica, tráfico de seres humanos, violação e outras agressões sexuais.

A prevenção e investigação do crime de violência doméstica são prioridades da actual política criminal e constituem-se como uma absoluta prioridade para a GNR”, referiu esta força de segurança em comunicado enviado ao ALVORADA. Neste âmbito, a GNR tem vindo a reforçar as campanhas de sensibilização e a apostar em acções específicas de formação do seu efectivo, “para que esteja cada vez mais bem preparado para participar, enquadrar, tratar e acompanhar este tipo de situações, melhorando ainda a sua rede de salas de atendimento às vítimas”.

Mais informações na próxima edição do ALVORADA.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Sofia de Medeiros/ALVORADA