Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

OPL - Orçamento Participativo da Lourinhã 2020 com 23 propostas

OPL 2020

Há 23 propostas submetidas à sexta edição do OPL - Orçamento Participativo da Lourinhã, cujo prazo terminou no passado dia 30 de Abril, revelou a autarquia em comunicado enviado ao ALVORADA. As propostas são candidatas a quatro níveis orçamentais e irão agora ser analisadas tecnicamente por uma equipa multidisciplinar criada para o efeito pela edilidade.

A Câmara Municipal da Lourinhã informa que “à semelhança de anos anteriores, a análise técnica das propostas será feita em duas reuniões públicas, previstas para 28 de Maio e 18 de Junho, às 21h00, que decorrerão por plataforma virtual, a anunciar”. Este ano, por força da pandemia da Covid-19, os prazos do OPL/2020 foram assim alargados, pelo que a fase de análise técnica irá decorrer nos próximos dois meses, estando a fase de votação definida para os meses de Julho e Agosto. A divulgação dos resultados deverá ocorrer a 1 de Setembro.

Relativamente aos projectos das edições anteriores, a autarquia sublinha que “continua a desenvolver procedimentos e intervenções no espaço público, com o objectivo de concluir algumas das intervenções até ao final do presente ano, apesar de todos os constrangimentos que a atual situação impõe”.

O valor definido pelo Município da Lourinhã para o OPL deste ano é de 75.000 mil euros, distribuídos por quatro patamares orçamentais: projectos de 1 euro a 10.000 euros; projectos de 10.001 euros a 15.000 euros; projectos de 15.001 euros a 20.000 euros; projectos na área do associativismo de 1 euro a 30.000 trinta mil euros. Face à conjuntura que o país vive, tinha sido alargado o prazo de apresentação de propostas até 30 de Abril, permitindo aos cidadãos interessados aproveitarem a fase de isolamento social “para pensarem num projecto para o concelho”.

Texto: ALVORADA