Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Conferência Episcopal manifesta “grande consternação” pela morte de Bispo Auxiliar de Lisboa

CEP

A Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) manifestou “grande consternação” pela morte do Bispo Auxiliar de Lisboa, Daniel Batalha Henriques, ocorrida hoje aos 56 anos.

Em nota citada pela agência Ecclesia, os bispos consideram que “ao seu curto ministério episcopal de apenas quatro anos corresponde uma densa entrega ao serviço da Igreja em Portugal, no seio da Conferência Episcopal, particularmente como membro das comissões episcopais da Educação Cristã e Doutrina da Fé e da Pastoral Social e Mobilidade Humana”.

Nesta [comissão] dedicou particular atenção a sectores pastorais ligados às migrações e ao apostolado do mar. Mas foi sobretudo no Patriarcado de Lisboa que se mostrou sempre próximo de todos os fiéis, pastores e comunidades cristãs, numa contínua peregrinação que o conduziu agora à oblação plena na comunhão com Deus”, adianta a nota da Conferência Episcopal Portuguesa.

Entretanto, o Cardeal Patriarca de Lisboa, Manuel Clemente, numa mensagem ao Patriarcado, escreve que Daniel Batalha Henriques “partiu em paz, como em paz viveu toda a sua doença e sobretudo estas últimas semanas de hospitalização”.

Sempre a lembrar-se daqueles que generosamente servia e a oferecer-se por eles. Especialmente pela Diocese e pela Jornada Mundial da Juventude que preparamos, dando à sua partida um sentido salvador para todos, unido à Páscoa de Cristo”, acrescentou o patriarca.

O Bispo Daniel Batalha Henriques vivia numa unidade de cuidados paliativos, fora visitado esta semana pelo Cardeal Patriarca de Lisboa, Manuel Clemente, que, na quarta-feira, numa mensagem divulgada no site do Patriarcado, reconhecia que aquela unidade poderia “ser o último tempo da (…) vida [de Daniel Batalha Henriques] neste mundo”.

Natural da freguesia de Santo Isidoro, Mafra, Daniel Batalha Henriques foi ordenado padre a 1 de Junho de 1990, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa.

A 13 de Junho de 2018 foi nomeado, pelo Papa Francisco, Bispo Auxiliar de Lisboa, tendo recebido a ordenação episcopal a 25 de Novembro desse ano.

O corpo de Daniel Batalha Henriques será velado na Sé de Lisboa a partir das 18h00 de hoje, informou ainda o Patriarcado, citado pela agência Ecclesia.

A missa exequial vai ser celebrada no sábado, às 11h00, na Sé, presidida pelo Cardeal Patriarca de Lisboa, e o corpo vai depois para a Igreja Paroquial de Santo Isidoro, onde chegará pelas 16h00, sendo sepultado no cemitério local, acrescenta.

Texto: ALVORADA com agência Lusa