Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Jornada Mundial da Juventude quer jovens portugueses a olharem para os mais idosos

JMJ em Lisboa

Os jovens portugueses estão a ser desafiados a participar num “movimento nacional”, nos dias 24 e 25 de Julho, assinalando o Dia Mundial dos Avós e dos Idosos, num apelo da organização da Jornada Mundial da Juventude de 2023.

Este desafio pretende, segundo o Comité Organizador Local da JMJ2023, dar expressão “à mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial dos Avós e dos Idosos: ‘O futuro do mundo está na aliança entre os jovens e os idosos. Quem, senão os jovens, pode agarrar os sonhos dos idosos e levá-los por diante?’”.

“No fim de semana de 24 e 25 de Julho desafiamos cada jovem a fazer missão onde quer que esteja”, refere a organização, lembrando que “o Dia Mundial dos Avós e dos Idosos foi instituído pelo Papa”, assinalando-se anualmente no quarto domingo de Julho, próximo da festa dos Santos Joaquim e Ana, os avós de Jesus.

O desafio lançado aos jovens portugueses é para que, naquele fim de semana, vistam a t-shirt da JMJ2023 e telefonem aos avós, conversem à janela com um vizinho mais velho que se encontre sozinho, vão às compras por idoso que não tenha família perto ou colaborem com os centros de dia das suas paróquias.

Entretanto, o Comité Organizador Local da JMJ Lisboa 2023, que está a preparar o próximo encontro do Papa com jovens de todo o mundo, manifestou o desejo de “rápidas melhoras” a Francisco, que no domingo foi operado numa clínica de Roma e deverá permanecer internado até ao final da semana.

O Papa Francisco já confirmou a sua intenção de estar em Portugal para o encerramento da Jornada Mundial da Juventude em 2023, que se realizar em Lisboa. Na ocasião, o líder da Igreja Católica pretenderá deslocar-se também ao Santuário de Fátima. Isto mesmo foi transmitido por Francisco ao Bispo de Leiria-Fátima, cardeal António Marto, durante uma audiência privada no Vaticano no passado dia 29 de Abril, reforçando o que havia dito ao Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, em 12 de Março. “Ao longo da nossa conversa, que durou cerca de 30 minutos, o Santo Padre explicitou-me a sua vontade de, nessa ocasião, também peregrinar a Fátima”, informou António Marto, numa nota distribuída pela sala de Imprensa do Santuário de Fátima.

A Jornada Mundial da Juventude é o maior evento organizado pela Igreja Católica, tendo o anúncio da escolha de Lisboa para receber esta edição sido feito em 27 de Janeiro de 2019, na Cidade do Panamá. Inicialmente prevista para agosto de 2022, a pandemia de Covid-19 determinou o adiamento da JMJ um ano. Portugal será o segundo país lusófono, depois do Brasil, a acolher uma Jornada Mundial da Juventude, criada em 1985 pelo Papa João Paulo II (1920-2005).

Texto: ALVORADA com agência Lusa