Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Ténis: Gastão Elias na fase de qualificação do Estoril Open

Gastao Elias 2021 3

Os portugueses Gastão Elias, Pedro Sousa, Pedro Araújo e Tiago Cação vão disputar a fase de qualificação do Estoril Open, que terá lugar no Clube de Ténis do Estoril, entre 23 de Abril e 1 de Maio.

Enquanto Elias e Sousa asseguraram a entrada directa no ‘qualifying’ do único torneio português do ATP Tour, Tiago Cação e Pedro Araújo receberam um ‘wild card’ da organização para acederem à prova de qualificação, que será jogada sábado e domingo.

De acordo com o sorteio, o tenista da Lourinhã (154.º ATP) vai defrontar na primeira ronda o boliviano Hugo Dellien (89.º ATP) no ‘court’ principal a partir das 12h00, hora a que Araújo (562.º ATP) vai entrar também em acção frente ao italiano Gianluca Mager (111.º ATP) no campo número três.

“Estou muito motivado”, começou por afirmar Gastão Elias, número três português, que recentemente se sagrou campeão dos dois ‘challengers’ de Oeiras, acrescentando: “Sei que vai ser um encontro bastante duro, não só pela qualidade do meu adversário, mas também pelo bom momento de forma que atravessa, mas eu também estou num bom momento. Vai ser um jogo interessante e é sempre óptimo poder voltar a jogar um torneio deste calibre".

Já Pedro Sousa, que esta semana figura no 295.º lugar no ‘ranking’, vai encerrar a sessão no ‘court’ principal frente ao espanhol Bernabe Zapata Miralles (119.º ATP), assim como o penichense Tiago Cação (573.º ATP) jogará o derradeiro encontro do ‘court’ secundário ante o também espanhol Carlos Taberner (94.º ATP). “Foi um sorteio bastante complicado, como era de esperar, porque já sabia que ia jogar com um cabeça-de-série. É um jogador que está em boa forma, jogou bastante bem em Barcelona e em Monte Carlo. Vai ser um encontro duro”, anteviu o lisboeta, de 33 anos, a regressar à competição após uma longa ausência, na sequência de uma cirurgia ao pulso esquerdo.

Texto: ALVORADA com agência Lusa
Fotografia: Direitos Reservados