Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Assinatura Digital

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Volta a Portugal: Trânsito condicionado no distrito de Lisboa entre sexta e segunda-feira

Volta a Portugal 2020 2

A 82.º Volta a Portugal em bicicleta, que atravessa o distrito de Lisboa entre sábado e segunda-feira, vai condicionar o trânsito nos concelhos de Torres Vedras, Loures, Vila Franca de Xira e Lisboa, divulgou hoje a PSP. Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (COMETLIS) aponta para alguns dos condicionamentos e cortes de trânsito que se irão verificar na sua área de jurisdição.

Amanhã, sábado, dia em que se realiza a 6.º etapa, existirão cortes de trânsito rodoviário em algumas artérias de Torres Vedras, cidade onde terminará a etapa, pelas 18h00. Tal como o ALVORADA já tinha informado, esta etapa vai correr-se em terras oestinas, ligando Caldas da Rainha a Torres Vedras, com passagem ainda pelos concelhos de Alcobaça, Óbidos, Bombarral, Cadaval e Lourinhã. No concelho lourinhanense, o pelotão rolará por estradas da zona sul, nomeadamente pela EM 563, passando por Campelos, Casal das Campainhas, Cabeça Gorda, entroncando na EN8-2 na Carrasqueira em direcção à Marteleira. Um pouco antes cruzará pela Estrada de Vale Vite até ao Vimeiro, passando pelo Toledo, regressando ao território do concelho torriense e entrando na Maceira, passando por Porto Novo, Santa Cruz e, no final, o itinerário levará os ciclistas a Torres Vedras.

Na cidade torriense, entre as 17h15 e as 18h00, estarão cortadas ao trânsito alguns troços da Estrada Nacional n.º 9, a Ponte São Miguel, a rotunda António Charrua, a Rotunda Wellington, as avenidas General Humberto Delgado, Liberdade, Variante Poente e as ruas Dias Neiva, Dr. Gomes Leal, Heitor Bernardes Botado, Teresa Jesus Pereira e António Leal Ascensão.

No domingo, o pelotão atravessa o município de Loures, onde haverá uma partida simbólica pelas 13h20, e o vizinho de Vila Franca de Xira. No concelho de Loures, os principais constrangimentos rodoviários serão sentidos na Rua da República, na Avenida Doutor Carvalho de Figueiredo, na Estrada Nacional 8 (EN8), na EN258, nos troços entre Frielas e Sacavém, e ainda em algumas artérias das localidades da Bobadela, São João da Talha e Santa Iria da Azoia. Em Vila Franca de Xira, entre as 14h00 e as 16h00, serão efectuados cortes à circulação de trânsito rodoviário para a passagem da caravana da prova, na EN248, no acesso à Ponte Marechal Carmona e em toda a extensão da EN10, até ao Porto Alto (concelho de Benavente). Nesse sentido, a PSP aconselha que a transposição da cidade de Vila Franca de Xira seja efectuada, preferencialmente, através da Autoestrada 1 (A1), entrando para norte junto às antigas instalações da Cimianto e para sul no nó de acesso à EN1 e ao Itinerário Complementar n.º2 (IC2).

Já na segunda-feira, irá realizar-se uma etapa de contrarrelógio, com passagem pela cidade de Lisboa. A etapa na capital tem início na Avenida Ribeira das Naus, pelas 15h30, e termina duas horas depois na Praça do Comércio, ficando este troço encerrado ao trânsito a partir das 7h00 de segunda-feira. “A PSP irá proceder a desvios de trânsito por forma a minorar os transtornos causados aos condutores, informando sobre alternativas quer no local, durante a prova, quer através dos meios de comunicação social locais e nacionais”, conclui a nota.

Texto: ALVORADA com agência Lusa