Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Abertura do espaço de investigação paleontológica na Lourinhã

dinossauro

O Município da Lourinhã, o GEAL - Museu da Lourinhã e a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (FCT - UNL) assinam, na segunda-feira, dia 21, um protocolo de cooperação tendo em vista a criação de um espaço trabalho para promover o desenvolvimento da investigação científica no domínio da paleontologia. O documento será assinado no Salão Nobre dos Paços do Município, às 12h00, tendo como objetivos a valorização e divulgação do património paleontológico da Lourinhã e o apoio na formação de estudantes e jovens investigadores.

Este espaço, designado ‘NovaPaleo’, vai ser disponibilizado pela autarquia no 1.º piso do Mercado Municipal da Lourinhã. O ‘NovaPaleo’, segundo uma nota de imprensa enviada pela edilidade ao ALVORADA, “destina-se à realização de trabalhos de investigação científica paleontológica sobre os materiais paleontológicos do GEAL e da FCT - UNL, bem como de outras possíveis instituições, permitindo assim o estudo comparativo entre matéria oriunda do nosso concelho e de outros pontos do mundo”.

O Município da Lourinhã pretende, com este novo espaço, desenvolver as bases para continuar a receber alunos de paleontologia, independentemente do seu grau académico, “garantindo que no território reconhecido por ter um espólio único de fósseis do jurássico, se continue a fazer ciência de excelência”.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Sofia de Medeiros/ALVORADA (arquivo)