Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

Jornadas da Educação superaram expectativas da organização

Fotografia: Sofia de Medeiros/Jornal ALVORADA

jornadaseducacao

A Lourinhã foi o concelho com maior taxa de retenção a nível nacional no ano lectivo 2016/2017. Segundo dados revelados por Maria Odete João, da Direcção- Geral de Educação, no decorrer da primeira edição das Jornadas da Educação no âmbito do Programa Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar da Região Oeste (PIICIEO) - ‘Aluno ao Centro’, a Lourinhã apresentou uma taxa de retenção de 8,4% contra os 6,4% ao nível da região Oeste e 5,9% a nível nacional. “Podemos observar que o Município da Lourinhã ainda tem um caminho grande a fazer para procurar baixar as taxas de retenção”, frisou a docente do ensino secundário, que recorreu a dados oficiais do Ministério da Educação para a sua intervenção.

Por outro lado, manifestou-se satisfeita por a autarquia lourinhanense estar a desenvolver actividades no âmbito do PIICIEO que está convicta de que irão trazer bons resultados para a comunidade educativa. São elas: NuReMu - Unidade Multidisciplinar de Apoio com dois psicólogos educacionais, um educador social e um técnico de TIC/multimédia; EdLo - Encontros de Educação na Lourinhã; Academia Up!; RISE3 - Recursos Inovadores para o Sucesso Educativo; Programa Integrar+; e App Saber+ Participar+.

A abertura das Jornadas da Educação - Lourinhã 2018, que decorreram entre os dias 11 e 13, ficou a cargo do presidente da Câmara Municipal da Lourinhã, João Duarte de Carvalho, que defendeu a promoção deste programa, celebrado em Agosto de 2015 pela OesteCIM - Comunidade Intermunicipal do Oeste.

Entre outros, são objectivos deste programa aumentar as intervenções que, de forma integrada e articulada, beneficiem as condições para o reforço da igualdade no acesso ao ensino; a melhoria do sucesso educativo dos alunos e o reforço da qualidade e eficiência do sistema de educação, associado ao Projecto Educativo Estratégico Municipal que se pretende construir com o contributo de todos.

Mais informação na edição impressa do jornal ALVORADA