Pesquisa   Facebook Jornal Alvorada
Login

Login na sua conta

Username *
Password *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com (*) são obrigatórios.
Nome *
Username *
Password *
Confirmar Password *
Email *
Confirmar email *
Captcha *
Reload Captcha

‘Pro Santa Cruz presented by Noah Surf House’ começou com dia em cheio

pro santa cruz presented by noah surf house comecou com dia em cheio creditos pedro mestre

O ‘Pro Santa Cruz presented by Noah Surf House’ arrancou esta segunda-feira nas águas da Praia do Mirante, em Santa Cruz, num dia repleto de ondas de qualidade. O primeiro dia desta etapa de categoria 3000 do circuito mundial de qualificação (QS) da Liga Mundial de Surf (WSL) contou com a realização das duas primeiras rondas, num total de 24 baterias. As condições meteorológicas ajudaram, permitindo aos surfistas escolher entre dois picos diferentes na praia, ambos com ondas de qualidade, tanto para a direita como para a esquerda, fazendo jus à reputação da região.

Vários portugueses entraram em água, ao longo de um dia que acabou por ser ‘agridoce’ para os favoritos do público. O lisboeta Luís Perloiro foi o melhor entre os lusos, vencendo a sua bateria (heat 10) da segunda ronda e estando, por isso, já apurado para a fase seguinte da competição. Numa bateria de sentido quase único, em que a disputa foi pelo primeiro lugar, o português fez 12,67 pontos (em 20 possíveis) contra os 12,30 do francês Thomas Debierre, 7,50 do americano Ben Coffey e 7,43 do japonês Naru Wada.

Para a terceira ronda avançaram, ainda, os portugueses Nic Von Rupp, que venceu a sua bateria, para além de Pedro Henrique e Pedro Coelho, que passaram em segundo lugar. Henrique Pyrrait, Jácome Correia, Eduardo Fernandes, Frederico Magalhães, Ruben Gonzalez e Francisco Almeida - que tinha ganho a sua bateria na primeira ronda - foram eliminados. Na primeira fase tinham sido já afastados Francisco Carrasco, Miguel Matos e Gonçalo Vieira.

A competir pelo terceiro ano em Santa Cruz, o brasileiro Samuel Igo De Souza foi o melhor do dia, alcançando um somatório de 14,10 pontos, para os quais contribuiu a nota excelente de 8,33. A pouca distância do brasileiro ficou o britânico Luke Dillon que conquistou 13,97 pontos.

No segundo dia de competição, esta quarta-feira, com chamada marcada para 8h00, começam a entrar em acção surfistas com estatuto de cabeça-de-série, destacando-se os portugueses Tomás Fernandes, Miguel Blanco e Diogo Martins, para além do francês Marc Lacomare e do norte-americano Michael Dunphy. Esta terça-feira é dia de pausa na competição. Os resultados completos e a transmissão em directo estão disponíveis em www.worldsurfleague.com e na aplicação da WSL.

O ‘Pro Santa Cruz presented by Noah Surf House’ é produzido pela WSL e conta com o apoio do Município de Torres Vedras, o Turismo de Portugal, MEO, Hertz e Noah Surf House.

Texto: ALVORADA
Fotografia: Pedro Mestre